tarot3

A origem do Tarot é incerta.

Alguns estudiosos  acreditam que sua introdução se deu no Egito, através do personagem mítico Thot; aos Ciganos, aos Cruzados, aos Sarracenos, aos Chineses.

“De acordo com a Tradição, os sacerdotes de Memphis, prevendo a queda da Civilização Egípcia, ocultaram os conhecimentos sob a forma de um baralho que, hoje em dia, é conhecido pelo nome do Tarot e o legaram aos profanos, sabendo que devido ao hábito  do   jogo,  tais  conhecimentos chegariam  à posteridade” (G.O.Mebes).

tarot1

 

Por conter diversas características e elementos misteriosos seu significado simbólico e adivinhatório levou a um estudo profundo.

Eliphas Levi, Jung, Court de Gebelin, Papus e Paracelso, entre outros, aprofundaram o sentido esotérico e universal do Tarot.

Eliphas Levi (Padre Alphonse Louis Constant) abriu caminho para sua analogia com o sistema cabalístico dos judeus e relacionou os 22 arcanos maiores com o alfabeto hebraico e com os caminhos da Árvore da Vida.

tarot e gato

“O verdadeiro Tarot é simbólico. Uma vez compreendido o significado oculto de seus símbolos, as cartas se transformam numa espécie de alfabeto que é capaz de um número infinito de combinações e faz sentido em todas elas. O Tarot incorpora as representações simbólicas das idéias universais, por detrás das quais estão todos os subentendidos da mente humana. É neste sentido que o Tarot contém a doutrina secreta, que é a percepção, por uns poucos, das verdades encerradas na consciência de todos, muito embora elas não tenham sido reconhecidas claramente pelas pessoas comuns. Esta doutrina sempre existiu, foi idealizada na consciência de uma minoria, perpetuada em segredo de um iniciado para outro e registrada nos livros secretos de alquimia e cabala”. (Arthur Eduard Waite).

tarot4

 

 O que é o Tarot? 

É um baralho constituído de 78 cartas divididas em dois grupos:

1) Arcanos Maiores: Formado por 22 cartas que correspondem aos 22 hieróglifos do alfabeto hebraico, contendo alto valor simbólico, profundos mistérios e representam a parte mais importante do Tarot, pois contém toda a sua essência sagrada. Sua sequência não é aleatória, se relacionando umas com as outras. Representam uma grande viagem e espelham o nosso próprio ser e são capazes de desvendar nossos segredos e nossa essência.

Conhecendo o Tarot

Tarot de Marselha – Arcanos Maiores


2) Arcanos Menores: Formado por 56 cartas, divididas em quatro grupos de 14 cartas (ouros, copas, espadas e paus), possuindo sequência de 1 a dez. Se complementa com as seguintes figuras da Corte: Pajem, Cavaleiro, Dama e Rei.

Representam fatos , situações , preocupações e oportunidades do nosso cotidiano. Complementam a leitura dos Arcanos Maiores, nos dando mais detalhes de uma determinada situação, de forma clara e objetiva. 

IMG-20160604-WA0000

 

Como começar?

Existem diversos tipos de Tarot e podemos dividí-los em clássicos e modernos.

A escolha de um deles é estritamente pessoal.

Ao conhecê-los, você será atraído por um deles. Normalmente, possuímos mais de um baralho, mas sempre temos um preferido.

No momento de sua escolha, leve em conta  a riqueza do simbolismo, as cores, os traços…

Lembre-se de que ele será seu companheiro e, portanto, você deverá gostar e se sentir muito bem com ele.

 

Estudando o Tarot

Comece a conhecê-lo: retire uma carta, preste atenção nos detalhes, as sensações que ela lhe fornece, medite sobre o que vê.

Aprenda sobre as cores, os objetos existentes em cada arcano, as suas direções, a existência de figuras geométricas, o significado de cada elemento.

Estude muito, tenha uma  boa base teórica.

É muito importante o desenvolvimento de sua intuição e uma boa forma de fazê-lo é lendo as cartas.

Ainda que no começo você utilize apostilas ou livros, com o tempo o aprendizado virá e você irá descobrir o melhor método de leitura ou terá o seu próprio.